Entrevista com Fábio Freitas | CASSMIK Entertainment & Breishare Angola DOWNLOAD BAIXAR MP3 Breishare

Ultimas Novidades

domingo, 6 de maio de 2018

Entrevista com Fábio Freitas | CASSMIK Entertainment & Breishare Angola



O meu entrevistado é o rapper e integrante do grupo de Rap "Young Familly".


Fábio Freitas, um dos autores do hit "Tá se Pôr", o rapper de nacionalidade angolana, nasceu propriamente em Benguela (Terra das Acácias) aos 21 de Abril de 1995 e actualmente reside em Boston e está no primeiro ano da faculdade no curso de Arquitetura.


Midelson Mikinho: Quando é notaste ou nasceu o gosto pela música?
Fábio Freitas: Sempre gostei de música desde pequeno, eu cresci num meio familiar em que se ouve vários genros de música tais como R&B, Rap, Rock, Pop, eu lembro que o meu pai tinha um me oferecido um brinquedo que eu poderia gravar a minha voz, e eu ali grava com o meu irmão que me seguia (Tércio) que agora ja não se faz parte do mundo dos vivos, R.I.P. para ele.

Foi mais ou menos aí onde eu descobre o meu amor pela música.


Midelson Mikinho: Quando é que teremos o 1° Show da YF?
Fábio Freitas: Isso é uma das coisas que nos membros da YF estámos a tentar enquadrar no nosso calendário, estamos a tentar ver um boa época em que todos da YF estão disponível em fazer o evento porque além da música cada indivíduo do grupo ainda tem os estudos como a maior preocupação então estamos a ver um época em que os nossos calendários individuais batem certo.


Midelson Mikinho: Porquê que não participaste no 1° Cypher do Ano?
Fábio Freitas: Porque quando se fez a captação do cypher eu estava em Benguela um pouco desligado da música a viver a vida (risos), mais eu tive a oportunidade de comparecer nas filmagens do cypher, e foi mais uma experiência boa que eu tive.


Midelson Mikinho: Como surgiu a ideia de fazer o hit "Tá se Pôr"?
Fábio Freitas: A processo do tá se pôr, foi um processo muito rápido, lembro que todos nós YF estávamos numa conferência no Skype, e o Lil Mac mandou o projecto no whatssap já com a parte do Lil Drizzy, mais depois niguem estava a gravar porque o meu grupo não são muito de cantar Afrohouse, mais eu gostei bue do projecto então eu meti a voz em seguida o Deivly também cantou, no dia que ia sair o som o Lil Mac também cantou. Foi um processo muito rápido.


Midelson Mikinho: Como foi a sua entrada pra YF?
Fábio Freitas: Eu entrei na YF por causa do Lil Boy, eu acho que sem ele eu nunca ia ser YF (risos), eu conhece o Panda em um ambiente onde estudas angolanos estavam reunidos, e nesse meio de angolanos eu já tinha amigos que também eram amigo do Lil Boy, e eles sempre falavam que eu e o Lil Boy tínhamos que fazer uma música porque eles já ouviam os nossos som, tipo sons da minha parte e sons da parte do Lil Boy. Depois de um tempo o Deivly começa conviver com o Lil Boy todos nós começamos andar juntos fazíamos média de varios sons por dia mais nunca lançávamos. O Lil Boy viu o nosso talento e eu acho que ele também comentou isso com o resto do grupo e dai começamos a work together depois da 2ksavage eles nos fez o convite pra mim e o Deivly acho que isso era em outubro de 2017 ou novembro não me lembro bem.


Midelson Mikinho: Esse ano conhecemos uma YF com mais espaço no mercado, a vossa entrada influenciou?
Fábio Freitas: Eu acho que nos influenciamos um pouco porque, mesmo entre nós elementos do grupo notamos e sempre comentamos isso, que a YF neste momento está mais completa, porque eu e o Deivly preenchemos os espaços que faltava no grupo, mais nos também entramos numa época boa onde conseguimos nos enquadrar perfeitamente com os planos que a YF já tinha para almejar esse ano e os proximos que viram.


Midelson Mikinho: Qual foi a sua primeira música?
Fábio Freitas: A minha primeira música eu fiz em 2013 gravei com o meu telefone no GarageBand, o título da música era o “clima é bom” ainda tenho essa musica no meu PC, lembro também q os meus primos gostavam bue desse som, e começaram a me dar concelho de comprar um mic e começar gravar as minhas musicas.




Midelson Mikinho: Ainda tens a música?
Fábio Freitas: Ya tenho quase todas minha música antigas no meu PC, porque é a prova que a prática leva à perfeição.

Às vezes da-me so vontade de ouvir os meus sons velhos.


Midelson Mikinho: O que aumejas como Rapper?
Fábio Freitas: Meu objectivo é ser um rapper bom que sempre trás boas músicas para o people. Mais nesse momento estou focado principalmente em fazer boa música para manter o nome da Crew sempre high.


Midelson Mikinho: Quantas músicas já tens até ao momento?
Fábio Freitas: Já perde a conta, não sei dizer exatamente quantas musicas eu tenho.


Midelson Mikinho: De todas as musicas qual mais te marcou?
Fábio Freitas: Até agora a que mais me marca é uma música da minha primeira mixtape olhos fechados com o título de “inveja” com a partição do Joz. Me marca muito porque é o som preferido da minha mãe.
E eu durmo quase todos os dias com essa musica.


Midelson Mikinho: O que é a música para si?
Fábio Freitas: Música pra mim é um dos hobbies, que eu projeto com mais calma e amor, gosto de ouvir as minhas música porque ela me faz lembrar em várias fases da minha vida.


Midelson Mikinho: Depois de "Olhos Fechados" o que teremos?
Fábio Freitas: Eu e o Deivly estamos a trabalhar numa recente mixtape que será olhos fechados 2.


Midelson Mikinho: Terá a mesma vibe que Pt. 01?

Fábio Freitas: O objectivo é melhorar sempre cada vez mais, olhos fechado 2 será uma mixtape de love tal como a versão anterior, do resto será surpresa para quem gosta de ouvir a YF.





Midelson Mikinho: Alem da Olhos Fechados 2, quais serão os projectos futuros da YF?
Fábio Freitas: Estamos a trabalhar neste sentido olhos fechado 2 ainda ñ é um projecto 100 % garantido que irá sair futuramente, mais nós temos vários projetos feitos que serão surpresas para os ouvintes da YF.


Midelson Mikinho: Alguma vez já pensaste em parar de cantar?
Fábio Freitas: Várias vezes, por causa mesmo dos estudos porque música é uma coisa que requer muito tempo.
Para ser feita.


Midelson Mikinho: És totalmente real nas suas musicas?
Fábio de Freitas: Sim sou. Não teria sentido se não fosse.


Midelson Mikinho: Desde 2013 até agora o que mudou em ti?
Fábio Freitas: Muitas coisas principalmente visão, responsabilidade e maturidade aumentaram.
 

Midelson Mikinho: Muito Obrigado Fábio Freitas pela entrevista.

Fábio Freitas: Sem stress, obrigado eu e já agora um abraço grande.
 #CASSMIKentertainment
Enviar um comentário
'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();

Angy Crazzy - Beijo de Baixo (Rap)

http://bit.ly/beijodebaixo

http://bit.ly/angyzombie